Sem esperar pela primavera…

Foste sem esperar que a Primavera chegasse mais uma vez. Tinhas visto muitas, esta é só mais uma. Uma Primavera seca, sem chuva para que a erva cresça nos campos e as ovelhas e as cabras possam pastar.

A Primavera chegou hoje, já sem ti, e eu sei que mais que a ela, me esperavas a mim ou alguém que te apertasse a mão uma última vez.

Esperaste o tempo que pudeste, mesmo sofrendo. Obrigado por isso!

Mas a culpa não foi tua.

Foi minha porque nunca soube avaliar o tempo ou o espaço. Nunca soube avaliar o texto que cabe numa linha…

Agora estás em Covelas, onde  pedias que te levasse. Estás em Covelas onde gostavas de nos ver todos juntos!

Desculpa-me por  não termos chegado a tempo de te abraçar uma última vez, desculpa-me por não ter sabido avaliar o tempo, mais uma vez!

Foste o melhor pai do mundo, mesmo  não esperando pelo teu dia!

Agora já não estás só em Covelas, estarás sempre comigo, estarás sempre connosco!

Descansa em paz, dá um beijo grande à mãe.

Anúncios

3 pensamentos sobre “Sem esperar pela primavera…

  1. Do melhor filho para os melhores pais do mundo.
    Faço minhas as tuas palavras e homenageio contigo aqueles que, sem dúvida alguma, deram sem reservas o melhor deles para muitas vezes nos pouparem das agruras da vida. Eles não morreram apenas partiram antes de nós.

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s