Histórias mínimas

A vida, muitas vezes, é feita de coisas simples, coisas mínimas.

Um velho que quer encontrar o seu cão e que para isso não se importa de percorrer 300 quilómetros  à boleia. Um homem que quer oferecer um bolo a uma criança. Uma mulher que ganha um prémio num concurso de televisão. São coisas mínimas à volta das quais gira o enredo deste filme argentino. Coisas simples como a poesia. Um filme que nos faz pensar na dificuldade de tornar simples, de não complicar, porque afinal a vida, a maioria das vezes, é apenas um conjunto e histórias mínimas!

Trailer

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s