Portugal dos coitadinhos…

Por altura do Natal todos ficamos mais solidários, diz-nos um responsável do Banco Alimentar. É por isso que a campanha do Natal do Banco Alimentar corre melhor do que a do mês de maio.  Graças a esta campanha de Natal temos oportunidade de ser solidários e de, deixando uma lata de atum ou um pacote de arroz, nos sentirmos melhor. Outros são mesmo voluntários e sentem-se ainda melhor por terem sido solidários com os pobrezinhos… coitadinhos!

Como é bom haver coitadinhos, por altura do Natal, para todos vivermos a quadra natalícia em harmonia. Graças aos pobrezinhos, coitadinhos, o bacalhau terá outro sabor porque sabemos que algures alguém come a nossa lata de atum.

Tenho pena que no nosso Portugal dos Coitadinhos, alguns desses coitadinhos trabalhem todo o mês. Mesmo não sendo preguiçosos, mesmo trabalhando todo o dia, todo o mês, continuam a ser pobrezinhos e também coitadinhos…

Seria bom que um dia não precisássemos de  viver num país de coitadinhos. Seria bom que todos comêssemos bacalhau no Natal, seria bom que fosse Natal todos  os dias, no nosso Portugal dos coitadinhos…

Anúncios

Um pensamento sobre “Portugal dos coitadinhos…

  1. Seria bom que todos aqueles que trabalham e que se esforçam por ter uma vida digna pudessem ter, como canta o Sérgio Godinho, «a paz, o pão, habitação, saúde», ou seja, aquilo a que têm direto.

    Bom domingo, João. Abraço

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s