O problema é a escola, acreditem!

Vivemos numa sociedade cheia de problemas. Bom, talvez não tantos como noutras épocas históricas, como a idade média, por exemplo, ou o período entre as duas grandes guerras na Europa, ou das invasões napoleónicas, ou… Mas, o que interessa é que estes são nossos, são os nossos problemas e  é com eles que vivemos e são estes problemas que temos que solucionar…. ou não!

Na minha opinião, a origem de todos os problemas é a escola!

Na geração dos meus pais poucas das crianças nascidas em Trás-os-Montes frequentavam a escola. A maioria das que o fazia aprendia a ler a escrever, os rios – que nunca veriam- e as estações de comboios – onde nunca apanhariam um comboio. Mas aprendiam também, e sobretudo, a obedecer. Aprendiam o que era a autoridade. Aprendiam, muitas vezes a toque de réguada,  que o professor tem sempre razão. Os que não podiam ir à escola aprenderiam a  mesma coisa na tropa, pelo menos os rapazes… As raparigas não eram problema porque, casando com os rapazes, que tinham aprendido na escola ou na tropa, acabariam por aprender também, muitas vezes  à réguada. Aliás, a réguada e a pancadaria, de modo geral,  eram  métodos considerados muito eficazes na altura e aplicados não só na escola e em família mas também por polícias políticas (ou não) a todos aqueles que chegando à idade adulta ainda não tinham aprendido a obedecer.

Na escola dispunham-se mesas e cadeiras em filas  e, na frente dessas filas, havia um lugar mais elevado e um quadro onde o professor debitava a matéria e sabedoria.  Os que não iam à escola, aprenderiam estas lições de geometria na formatura!

Não era preciso pensar muito na escola, apenas decorar os rios, as tabuadas, as estações de comboios, aprender a fazer contas em pé e tirar a prova dos 9. A determinada altura, para não ficarmos muito mal na Europa, certamente, alguém se lembrou que poderíamos ser mais instruídos e começaram a falar em escola para todos. Isso não seria um problema,  se na escola se continuasse a aprender  a ler, escrever, contar e os rios… O verdadeiro problema de saber ler é que não tarda nada e estamos a ler livros que não nos deram na escola e, se soubermos escrever também, começamos a registar ideias e não tarda nada estamos a pensar pela nossa cabeça!

Mas o  problema está na escola que nos faz pensar ou nos fornece instrumentos para que o possamos fazer! Desde quando pensar é um problema numa sociedade? Não há problema nenhum que uns quantos pensem, desde que pensem como nós! Até é bom que haja alguém que pense, desde que não sejam muitos e que pensem que são superiores a todos os que nunca foram ensinados a pensar e, sobretudo, que não queira começar a ensinar a pensar indiscriminadamente!

Talvez o ideal fosse então não haver uma escola mas sim duas! Uma onde se ensine a pensar e outra onde se ensine a obedecer… Obsceno é pensar que são os que se formaram na escola pensada para ensinar a obedecer tenham que pagar a escola onde nunca entraram porque foi pensada para ensinar elites a pensar…

Por isso, na minha opinião, muitos dos problemas que hoje vivemos estão na escola. A escola que permitiu que a minha geração pensasse e me permitiu a mim escrever, quase sem erros, neste blogue que ninguém lê. Foi a escola que criou uma classe média, a quem disseram depois que viveu acima das suas possibilidades enquanto milhões continuaram a passar pela offshores da Holanda ou do Panamá… Foi a escola que fez com que se criasse toda a riqueza e tecnologia que permitiu sonhar com sociedades onde não houvesse fome ou trabalho escravo!

A culpada é da escola, tenho a certeza. Mas será  também na escola que se encontrará a verdadeira solução!

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s