Uma história de amor (2)

Em 1918, uma senhora da alta sociedade lisboeta, casada, com um filho de 26 anos, apaixona-se pelo seu motorista. Parece o argumento de um filme, e é, mas já lá vamos!

Chamava-se Maria Adelaide Coelho da Cunha e era filha de um dos fundadores do jornal Diário de Notícias e estava casada com Alfredo da Cunha que viria a ser dono do jornal.

Aos 48 anos apaixonou-se por Manuel Cardoso Claro, seu motorista, 20 anos mais novo que ela. Um dia fugiram do palácio em que viviam e foram viver para Santa Comba Dão, deixando para trás um casamento de 28 anos e, pior ainda, um marido poderoso traído!

Demoraram apenas 11 dias a descobrir o esconderijo do casal. Ela foi internada no Hospital Conde Ferreira, no Porto. Ele foi preso. Atestaram a sua loucura Júlio de Matos, o Professor Sobral Cid e  o Professor Egas Moniz, futuro prémio Nobel. E como não poderia estar doida, se deixava tudo, em Portugal, em 1918, para ir viver uma história de amor? Nunca o admitiria, no entanto, e escreveu um livro de título «Doida não!»  em resposta ao do marido «Infelizmente louca!» .

Esteve internada alguns meses e o amante preso durante 4 anos, sem que o acusassem de nada. Renunciou a toda a sua riqueza e viveu, sem nunca se casar, com o homem que amava, no Porto, que passou a ser taxista para se sustentarem.

Sobre esta história de amor já se fez um filme, que ainda não vi, realizado por Monique Rutler, em 1992: “Solo de Violino” e já se escreveu um livro, que ainda não li,  “Doida não e não! Maria Adelaide Coelho da Cunha” de  Manuela Gonzaga.

Doida não, também eu acredito!

Ousou apenas amar, contra tudo e contra todos. Amou, pagando um alto preço por isso, mas ganhou certamente outras coisas e todo  o meu respeito, porque penso que devemos respeitar quem ousa amar desata maneira!

 

Fontes:
http://www.saude-mental.net/pdf/vol11_rev3_leituras.pdf
http://leiturasdasmarias.blogspot.pt/2009/03/doida-nao-e-nao-maria-adelaide-coelho.html

 

 

Anúncios

Um pensamento sobre “Uma história de amor (2)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s