O poema mais bonito do mundo

Um dia hei de escrever-te
O poema mais bonito do mundo
Cheio de palavras bonitas
Que  decorarás  num segundo

Falarei de ti e de nós
E do nosso mundo
E verás que não sou louco
Como dizem aqueles que não  sabem
Existir um amor tão profundo

Um dia hei de escrever-te
O poema mais pequeno do mundo
E saberás que não sou louco
Apenas mais um poeta imundo
Que guarda as palavras
Num saco sem fundo!

Anúncios

4 pensamentos sobre “O poema mais bonito do mundo

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s