Taxi ou Uber?

Mais do que decidir se vamos de Taxi ou de Uber temos que refletir sobre as potencialidades das tecnologias na modernização da sociedade e o que é feito com o valor acrescentado que certamente trazem.

Taxi ou Uber é apenas a ponta do iceberg. Um dia os Taxis e todos os outros veículos dispensarão condutor e nesse dia os taxistas terão um verdadeiro problema. Bom os taxistas talvez não, mas os industriais do táxi. Pensando melhor, talvez nem tenham. Não terão se, até lá, tiverem convertido a sua frota para automóveis autónomos, sem condutor, antes que a Google, a Uber, ou qualquer outra empresa internacional, chegue e tome conta do mercado sem eles darem por isso!

Mas voltemos aos taxistas, aos verdadeiros, aqueles que conduzem carros. Que será feito deles no dia em que deixem de ser necessários porque a tecnologia passou a fazer o que eles faziam? A resposta pode parecer complicada mas é simples! Vão fazer companhia aos portageiros -que a via verde tornou obsoletos-; aos bancários -que o multibanco e o homebanking dispensou-; aos empregados que nos abasteciam os depósitos de combustível  e àqueles que nos serviam as refeições à mesa e recolhiam depois a loiça.

É estranho que estas plataformas consigam fazer o mesmo serviço, muitas vezes mais barato, enviando 20 ou 25% das receitas para a empresa mãe, responsável pelo software e gestão do negócio. Sendo uma parte importante do sistema, é apenas uma das partes.  É uma pequena parte controlada por um pequeno núcleo que, no entanto, fica com uma parte considerável do lucro. Do lado dos condutores dizem que há precariedade, que ganham mal, que trabalham muitas horas, que não vivem mais desafogados que os colegas que conduzem os táxis, embora se vistam melhor e sejam mais simpáticos, …

No dia em que deixarem de ser necessários engrossarão as filas dos desempregados. Alguém lhes chamará preguiçosos, como a tantos outros que gostariam de poder trabalhar.

Não é de Táxi ou Uber que deveríamos estar a falar, mas sim de como devemos aproveitar a mais valia que as tecnologias trazem para a sociedade. Um dia teremos que ter essa discussão a sério e temo que teremos mais barulho nas ruas que aquele que os taxistas fizeram ontem!

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s