Somos de muitos lugares

Somos de muitos lugares. Eu sou, também, um pouco de Évora.

Cheguei a Évora de autocarro numa manhã de setembro. Tinha 18 anos. Deixei as malas num cacifo na estação da rodoviária e fui procurar um quarto. Ao fim da tarde tinha alugado o lugar onde dormiria nos próximos meses. Depois mudei de quarto, conheci mais gente voltei a mudar de casa mais 3 ou 4 vezes ao longo de 5 anos.

Foram tempos das grandes amizades, algumas ainda persistem. A Cristina,  o Ricardo, a Dina, a Zulmira, a Glória, o Armindo, o Tó Zé, a  Helena, o António e tantos outros.

Hoje voltei a Évora. Pediram-me 3 euros para visitar as paredes onde há 20 anos afixavam as nossas notas. Joguei-os numa raspadinha. Não saiu nada.

Gostei de passear em Évora. Comprei outro chapéu que será meu, como Évora será também um pouco minha para sempre, porque somos de muitos lugares!

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s