O meu amigo Torcato

Faz hoje anos o meu amigo Paulo Torcato. Nesta época das redes sociais ninguém se esquece do aniversário de ninguém. O Facebook faz-nos a gentileza de nos lembrar e, mecanicamente, escrevemos uma frase no mural de um, dois ou três amigos que fazem anos todos os dias.  De vez em quando, mandamos um SMS a reforçar e, se for um amigo muito chegado, telefonamos. Eu, com a mania de ser diferente, não telefonei hoje ao Paulo que é um amigo que merecia um telefonema e que apostaria que recebeu dezenas durante o dia. No entanto, escrevo aqui estas linhas, que ninguém há de ler, ou apenas o Paulo a quem as enviarei por mensagem direta no facebbok, abrindo assim uma nova era na arte de parabenizar… Escrever um post num blogue que ninguém lê!

Mas voltemos ao Paulo.

Conheci o Paulo há alguns anos, num curso de formação. Lembro-me que tinha um disco externo, muito antes de estarem na moda. O Paulo é professor, como eu, mas muito melhor que eu! Poderia falar do Paulo enquanto professor, enquanto professor de informática. Contar aqui que é, na minha opinião, a pessoa que mais sabe de robótica educativa em Portugal; que vence grande parte dos concursos de robótica em que participa, com os seus alunos, como aconteceu ainda há bem pouco tempo em Espanha onde, com a sua equipa, foi à final em  4 de 5 provas e ganhou 3. Poderia dizer que já o ouvi apresentar projetos em muitos encontros educativos e que a tecnologia está sempre lá, mas sobretudo a pedagogia e o carinho com que envolve os alunos e colegas nos projetos que sonha e concretiza.

Poderia dizer muita coisa sobre o professor Paulo, mas prefiro falar do amigo!

Pessoa de riso fácil, nunca o vi perder a paciência com ninguém. Humilde, como o são todos os grandes Homens, envolve sempre os colegas na hora de recolher os louros do trabalho e sobretudo os seus alunos a quem, carinhosamente, designa por “os meus meninos”. Nunca pedi nada ao Paulo que não me fosse concedido com um sorriso estampado no rosto, e acreditem que lhe  tenho pedido muito mais que oferecido! Quando um dia lhe troquei o nome de Torcato para Trocato, num programa de um encontro que organizávamos, enviou-me um mail cheio de humor onde me dizia todas as coisas que já lhe chamaram e eu, juro, nunca mais lhe torcatarei o nome!

O Paulo é um ser fantástico, a quem devia ter hoje telefonado. Em vez disso escrevo aqui que tenho a certeza que  o ensino seria melhor se houvesse muitos professores como o Paulo Torcato, e tenho sobretudo a certeza que o mundo seria um lugar melhor se houvesse mais pessoas como o meu amigo Paulo Torcato!

Parabéns Paulo, um abraço!

Anúncios

Um pensamento sobre “O meu amigo Torcato

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s