Cites

As tecnologias estão a mudar o modo como muita gente se conhece e o modo como começam muitas relações. Depois de passar uns dias, umas horas, umas meses ou até uns anos a conversar mediados pela tecnologia chega o momento das pessoas, que se encontram virtualmente, se encontrarem fisicamente. O que vestir, o que dizer? Como admitir que nem tudo foi dito? É este o … Continue a ler Cites

Fargo

Fargo é um filme de 1996, escrito, produzido e dirigido pelos irmão Coen, Joel e Ethan. Mistura, em doses certas, violência e humor e tem uma estupenda fotografia. Os irmãos Coen conseguem de um modo geral, e neste filme em particular, apanhar tiques do comportamento humano em que normalmente nem reparamos mas que, depois de sermos alertados para eles, reconhecemos como um padrão à nossa … Continue a ler Fargo

Le chalet

Há imensas maneiras de contar uma história. Podem ser mais ou menos lineares. Podem começar por nos desvendar o final ou deixá-lo descobrir pouco a pouco. Le chalet é, simplesmente uma história bem contada em diferentes épocas para ir desvendando pouco a pouco. O digital veio proporcionar-nos novas formas de ver televisão. De vez em quando descubro uma série de que gosto no Netfilx. Normalmente … Continue a ler Le chalet

Norsemen

Poderia ser apenas mais uma série séria sobre os Vikings, mas é uma grande comédia sobre Vikings! São só 6 episódios, por enquanto, na primeira temporada, mas espero que venham mais. Mais que uma vez, enquanto ria das piadas sem sentido,  pensei nos Monty Python ou julguei que  havia por ali o dedo do Ricky Gervais.    Mas não, é uma série norueguesa e quem melhor … Continue a ler Norsemen

Ainda The Handmaid’s Tale

Acabei ontem de ver a primeira temporada de The Handmaid’s Tale. Confesso que foi como levar um valente murro no estômago. Talvez não tivesse ficado tão incomodado: Se os carros em que se deslocavam não fossem tão parecidos com os nossos, se andassem a cavalo ou de charrete; Se algures no mundo não houvesse um proclamado estado que maltrata neste momento centenas de mulheres; Se … Continue a ler Ainda The Handmaid’s Tale

The Handmaid’s Tale

Vi, esta manhã, o primeiro episódio de “The Handmaid’s Tale, depois de ler esta notícia sobre a série. Baseada num livro, publicado em 1985, da canadiana  Margaret Atwood a série mostra uma visão do que poderá ser uma sociedade no futuro. Segundo a notícia a série está “a assustar as mulheres americanas” e, na verdade, não é para menos. Se o livro já tem mais … Continue a ler The Handmaid’s Tale

Não, o René não morreu!

Hoje, um senhor que tinha 75 anos, chamado  Gorden Kaye, que vivia num lar em Inglaterra, fechou os olhos pela última vez. Mas não morreu! Enquanto alguém der uma gargalhada com o René de “Allo Allo” também Gorden Kaye continuará vivo. Os atores, os cantores, os artistas não morrem nunca! Partem um dia deixando todo o seu talento registrado para que continuemos a rir e … Continue a ler Não, o René não morreu!

A vida é apenas o que dela recordamos…

Poderia ser apenas mais uma série. O título “The Affair” deixa antever uma traição que realmente existirá. A série foi pensada de uma maneira magistral, na minha opinião. Cada episódio é dividido em, pelo menos, duas partes e mostra-nos o ponto de vista de outras tantas personagens. Algumas cenas são as mesmas, as vividas em comum, outras são novas. As cenas repetidas, filmadas pelo olhar de … Continue a ler A vida é apenas o que dela recordamos…

Malditas séries!

Malditas séries, malditas tecnologias! Durante a minha adolescência  via, normalmente,  um filme por semana que passava na RTP1, à quarta à noite. Por vezes via outro ao sábado de tarde. Lembro-me de ter que ir para o campo e não poder ver o filme de sábado à tarde, ficava triste principalmente quando deixava o enredo a meio e não havia ainda naquele tempo possibilidade de … Continue a ler Malditas séries!